Monday, October 19, 2009

"Soldados" do Mundo: Unamos-nos contra o comunismo!
































English Version


O alerta de um soldado
por J. R. Nyquist

Há mais de 160 anos, Søren Kierkegaard declarou que "a verdade é um poder". Mas é um poder que raramente é reconhecido de antemão, porque implica em sofrimento, o que a maioria das pessoas não quer. No entanto, ao fim a verdade vence e a maioria a aceita. "Por quê?", pergunta Kierkegaard. Não porque ela é verdade. "Eles aderem a ela", ele explica, "porque todo mundo mais também."

Vinte anos atrás o bloco socialista supostamente entrou em colapso. Mas quem está honestamente celebrando esse evento? Algumas pessoas imaginaram à época, completamente enganadas, que a verdade tinha vencido a mais viciosa mentira da história. O dissidente e ex-prisioneiro político russo Vladimir Bukovsky, falando no Fórum da Liberdade em Oslo no último 19 de maio, disse que o império socialista do Leste continua a existir. De algum modo ele sobreviveu: "Os que cometeram todos aqueles horríveis crimes nos países comunistas estão seguros no poder outra vez. Estas pessoas nunca se desculparam. Estas e aquelas que foram seus cúmplices no Ocidente, que foram apologistas e simpatizantes da opressão soviética por todas aquelas décadas... nunca disseram que sentiam muito, e nunca nos deram a chance de perdoá-las."

Bukovsky também alertou que o socialismo totalitário está em marcha. Não só reviveu no Leste. Está se espalhando pela Europa e América Latina. Bukovsky disse que "decorridos vinte anos, tudo o que podemos fazer é repetir a famosa frase de Mark Twain de que os rumores de sua morte são grandemente exagerados." Considere-se somente a situação nos Estados Unidos, onde os socialistas dominam o sistema educacional e controlam o governo. A idéia de que o comunismo morreu em 1989 é uma farsa. "Até agora," Bukovsky explica, "nenhum país ex-comunista consegui transcender sua experiência do passado... As instituições democráticas são sistematicamente destruídas... as eleições se transformaram em farsas, a repressão política é uma realidade diária outra vez, e mesmo novos países juntaram-se a esta lista de tiranias e sociedades repressoras, como a Venezuela."

Como isso aconteceu? Como pôde o socialismo totalitário recuperar em tão pouco tempo tanto terreno perdido e sem nenhuma significativa resistência? Como ele conseguiu fazer tanto progresso nos EUA? "Contrariamente às expectativas de alguns," Bukovsky lamenta, "o colapso dos regimes comunistas no Leste não trouxe qualquer sobriedade ao Ocidente para uma reavaliação de seus valores. Enquanto nós falamos, uma nova versão de União Soviética é forçada a uma maioria silenciosa das nações européias: a União Européia. É certo que é uma cópia muito empalidecida da União Soviética; mas de qualquer modo já uma cópia. Já nos disseram que haverá uma polícia, Europol, algum tipo de versão da KGB, que irá nos policiar em 32 acusações de crimes, duas das quais são particularmente interessantes porque não existem como crime no código penal de nenhuma nação: que são o crime de racismo e o crime de xenofobia. E já nos explicaram que aqueles de nós que se opuserem às políticas de imigração da União Européia serão acusados de crime de racismo, e quem se opuser à União Européia será acusado de crime de xenofobia. Bem, sempre vale saber sob qual artigo você vai pra cadeia."

O politicamente correto parece irresistível. A verdade não pertence à maioria dos seres humanos. Eles não são soldados para a verdade. Em vez, são vítimas da mentira. Somente uma minoria resiste, pelo processo do sofrimento - como a própria verdade sofre. Bukovsky disse no Fórum da Liberdade de Oslo que a utopia socialista é um empreendimento criminoso. Não pode ser de outro jeito. E como tal, ele explica, deveria ter sido posto em julgamento em 1992. Mas não houve nenhum julgamento.

Segundo Bukovsky, "(em 1992) Eu... tive acesso aos arquivos do Comitê Central do Politburo; e o que descobri lá explica porque o Ocidente estava tão inflexível contra um julgamento de Nuremberg em Moscou. Para começar, muitíssimas personalidades ocidentais da política, dos negócios e do mundo cultural mantinham colaboração secreta com Moscou, o que teria sido um imenso choque para o ocidente se fosse revelado. E ninguém queria esse choque. Mas mais importante, teria sido um choque ideológico. Durante todo o fim da União Soviética, segundo os documentos que vi, numerosos líderes do Ocidente, particularmente da esquerda, viriam à Rússia, à União Soviética, alarmados com a perspectiva do colapso. Agora pense nisto, nós trabalhamos toda nossa vida para ver aquele colapso e, no momento crucial quando ele estava por acontecer, o mundo inteiro estava tentando salvá-lo. E qual era a explicação? Por que eles foram tão inflexíveis apoiando o regime em desintegração? Oh, porque, como dizem, e eu cito: 'o colapso do socialismo no Leste pode levar à crise esta idéia no Ocidente.' Então o que eles estavam tentando salvar era sua própria ilusão, sua própria utopia de socialismo, condenando nossos países..."

A KGB e o Partido Comunista da União Soviética não estavam sem aliados em 1992, e eles não estão sem aliados hoje. Os socialistas soviéticos são parte de uma grande irmandade que inclui socialistas americanos e europeus ocidentais. O crime de forçar uma utopia socialista no mundo ainda é sua meta. Aqueles que "forçam uma utopia sobre as pessoas estão cometendo um crime," Bukovsky declarou. Este é legado do socialismo. Se não pudermos aprender com ele, então a gigantesca tragédia da opressão soviética "não terá qualquer significado."

No Fórum da Liberdade de Oslo, Bukovsky exigiu "rendição incondicional de nosso inimigo..." E então, ele disse, nós temos que submetê-los a julgamento. "Disseram-nos (em 1992) que nós estávamos tentando montar uma caça às bruxas," disse Bukovsky. "Bem, hoje as bruxas retornaram e nos estão caçando." O Kremlin está empenhado em um maciço programa de rearmamento. Ao mesmo tempo, os Estados Unidos estão se desarmando. Aqueles que poderiam resistir foram neutralizados. Uma pequena minoria de organizadores, oficiais da KGB, agentes de influência e companheiros de viagem efetivamente viraram a mesa no mundo livre.

A crise final nos aguarda, e Bukovski nos diz que temos uma escolha: ser soldados contra o socialismo ou ser suas vítimas.

Tradução: Pedro Laini para o site "Mídia Sem Máscara".


Jeffrey R. Nyquist, é colunista, editor e um renomado expert em geopolítica e relações internacionais. Jeffery Nyquist é formado em sociologia política pela Universidade da Califórnia, é também o autor do livro "Origins of the Fourth World War". Tem também vários artigos de sua autoria publicados em web sites tais como: sierratimes.com, worldnetdaily.com, financialsense.com, e newsmax.com. Nyquist defende o ponto de vista que a queda da União Soviética foi uma ação premeditada para incentivar o ocidente a se desarmar, e que os comunistas estão no controle até hoje. Este ponto de vista foi primeiramente exposto pelo desertor soviético, Anatoly Golitsyn, em seu livro "New Lies For Old: The Communist Strategy of Deception and Disinformation". J.R. Nyquist mantém também o site "JRNyquist.com".



Coluna Semanal: Publicada no site "FINANCIAL SENSE".
Sexta-feira, 09 de outubro de 2009.



Bukovsky discursa em Oslo – Vídeos (Em inglês)

Vídeo: Fórum da Liberdade de Oslo – Vladimir Bukovsky (Parte 1 de 3)




Vídeo: Fórum da Liberdade de Oslo – Vladimir Bukovsky (Parte 2 de 3)




Vídeo: Fórum da Liberdade de Oslo – Vladimir Bukovsky (Parte 3 de 3)


Para assistir os vídeos em HD (Alta Definição), click no botão PLAY    a seguir aparecerá o botão    click para mudar para vermelho  
Obs: Caso o download esteja lento ou intermitente, click no botão PAUSE    aguarde completar o carregamento e então pulse PLAY   



ATENÇÃO! Leia também: "Obama Pronto a Ceder a Soberania dos EUA, afirma Lorde Britânico", absolutamente assustador.


Primores de ternura (2) – Olavo de Carvalho





3 comments:

Anonymous said...

Muito bom seu blog.
Quanto ao governo mundial nao podemos fazer nada. Está escrito nas profecias Bíblicas. Temos que orar a Deus e ficarmos com ele.

Lucia

David Bor said...

Só não sei como O MEU BLOG ainda não está na sua relação...já que o seu está no meu...
Afinal tratamos de coisas parecidas e nossa luta é a mesma.
De qualquer sorte, parabéns!

Anonymous said...

Mensagem de Nossa Senhora na aparição de Fátima (antes de 1917!): "...a Rússia espalhará seus erros pelo mundo...no fim, meu sagrado coração triunfará!"

Share
 
Copyright © 2004-2016 Bootlead