Saturday, February 28, 2009

O único objetivo destes derrotados é denegrir o conceito das FFAA junto à população.
"Governo prepara comercial com parentes de desaparecidos".










































































Ministro sugere que famílias questionem Lei da Anistia
matéria do jornal Zero Hora de Porto Alegre

Ministro da Secretaria Especial de Direitos Humanos, Paulo Vannuchi pediu ontem que vítimas da repressão do regime militar, familiares e entidades de classe se organizem para propor ações judiciais em massa questionando a abrangência da Lei de Anistia.

Em uma solenidade no Rio, ele propôs que a sociedade intensifique a pressão para que documentos e informações sobre o paradeiro de desaparecidos sejam revelados e informou que o governo prepara uma campanha publicitária com familiares.

– Casos como os de Rubens Paiva e Stuart Angel não podem ser abandonados. Essa informação (o paradeiro deles) tem de aparecer – discursou Vannuchi na abertura da 8º Anistia Cultural, que julgou pedidos de indenização de 21 estudantes banidos de universidades durante a ditadura.

Vannuchi informou que os ministros Dilma Rousseff (Casa Civil) e Franklin Martins (Comunicação) devem lançar até maio o sistema de acesso a dados de 14 arquivos estaduais, chamado Projeto Memórias Reveladas, com um edital que convoca donos de acervos particulares a transferir documentos para arquivos públicos. Segundo o ministro, Martins prepara uma comercial de TV em que aparecerão mães ainda vivas de desaparecidos políticos segurando fotos dos filhos e dizendo que não querem morrer sem saber o paradeiro deles.

Para Vannuchi, só a "saturação" provocada por um grande volume de processos mostrará ao Supremo Tribunal Federal (STF) que há uma demanda da sociedade por uma nova interpretação, sem o perdão a torturadores, da Lei de Anistia, que completa 30 anos em agosto.

Até agora, o entendimento que prevalece é o de que os militares envolvidos em violações não podem ser processados por terem sido anistiados pela lei de 1979 como os militantes de esquerda que pegaram em armas, embora não tenham sido submetidos a qualquer processo investigatório que os identifique.

– Na Argentina, Uruguai e Chile os familiares criaram centenas de ações. No Brasil, temos três, quatro, meia dúzia – argumentou.

Para ele, talvez as vítimas da ditadura e seus familiares tenham subestimado a Justiça. Em entrevista na saída do evento, Vannuchi disse que sua secretaria e o Ministério da Justiça continuarão o debate interno no governo até uma posição do STF.


Publicado no jornal "ZERO HORA".
Sábado, 28 de fevereiro de 2009.



ASSOCIE-SE!











SOS JUSTIÇA ELEITORAL – Maria Lucia Victor Barbosa





15 comments:

Laguardia said...

Acho que as famílias das vítimas dos terroristas deveriam também acioná-los na justiça.

Afinal de contas quantos inocentes foram mortos por estes terroristas?

As famílias destas vítimas não recebem as vultosas indenizações pagas a estes terroristas ladrões com nosso dinheiro de impostos.

Estes terroristas hão de quimar no fogo do inferno eternamente.

Machete said...

Boot, em primeiro lugar como é difícil conseguir comentar neste seu blog! Fui obrigado a dar voltas.

Em segundo lugar, a resolução de vídeo não é compatível com minha velha visão.

Por fim e falando de velhos, acho que está na hora de tirar o pijama e vestir a farda.

Ficar escrevendo posts não vai resolver, da forma como a coisa anda logo a tropa vai obedecer ao comando "para o forno volver".

A única coisa que faria a FFAA reclamar seria mexer no soldo e como isto nunca será feito...

Anonymous said...

Pois é Bootlead...diz o ditado:
"Quem não faz gol, leva!"
As Forças Armadas desde o início do desmonte (governo pró-comunista Geisel) estão sendo erodidas.
Não sei se hoje em dia ainda existem valores humanos suficientemente inteligentes, virtuosos e corajosos, para por um basta neste desastre chamado governo petista.
É tudo ou nada meu caro - reagir ou engolir e seguir o caminho das Forças Armadas da Argentina...

WORF NETO said...

BOOTLEAD, vamos iniciar a nossa campanha mostrando cada vez mais os "justiçamentos",assassinatos, atos pela "liberdade" e pela "Democracia", segundo esta corja de corruptos! Um forte abraço!

Mujahdin Cucaracha said...

Enquanto isso, o chefão Lula tenta manter uma posição pública “em cima do muro”, fingindo ser diferente dos anti-militares que compõem seu desgoverno. Anteontem, Lula deu uma entrevista ao jornalista Jorge Oliveira – que dirige um documentário sobre o operário Manoel Fiel Filho. Lula disse que a Lei de Anistia foi aprovada pelo Congresso e deve ser respeitada. Lula ressaltou que ela anistiou a todos, e que o governo não tem como interferir. No entanto, pondera que cabe à Justiça se manifestar sobre o assunto.

Jurema Cappelletti said...

Governo não se interessa pelos injustiçados pela anistia. SEu intersse é aumentar o número de simpatizantes.

Mas podemoss sugerir - ou EXIGIR - que, junto com este Projeto Memórias Reveladas, sejam lançados outros. Por exemplo> Projeto de GASTOS presidenciais Revelados, Biografia de Luís Inacio quando deputado federal, todas as datas da vida de Luís Inácio como torneiro mecânico, histórico e biografia detalhada da vida de Dilma.

Estarão todos devidamente empatados.

ALBERTO FIGUEIREDO said...

De quem é a culpa?

ALBERTO FIGUEIREDO said...

Desculpem, acho que não entendi bem.
O BOOTLEAD, esta em campanha?
O que esta fazendo ai a fuça da futura prisidenti e assessores?
Já que vamos fazer propaganda da corja, deveriamos colocar a foto de todos.
Por favor não esqueçam o pessoal do MST, FARC, via campesina, e demais bandos.
Mais cuidado, muito cuidado com a AGU, se o prisidenti (dela) ver isso o BOOTLEAD
podera ter problemas.
Acham que fiquei louco?
Me da o dinheiro do PAC, do BOLSA FAMILIA, do BOLSA PUTARIA, e os recursos que vão para o MST, UNE etc.etc. e eu elejo um cachorro presidente desse pais.
Quer apostar?

Anonymous said...

voce esta esquecendo o detalhe da grana envolvida. ta na cara que os advogados que fazem parte da corja continuam se locupletando.Seria dificil conseguir os nomesdos advogados e a evolucao patrimonial no periodo que defendem essa gente?Outra coisa, o pessoal da epoca teve a oportunidade de meter uma bala na cabeca desse povo enao o fizeram..por isso ai estao cantando de galo, galinhas que foram...

A Sentinela said...

Terrorista bom, para mim, é terrorista morto...
Faça-se justiça aos ainda que estão vivos.
Sem excessão.

Existe um limite para tudo:

100% Cem por cento...

Certo????

Errado, 84%...

Para cada FDP que trabalha e dá seu suor para sustento da família,
pode existir no máximo 4 ladrões, sobre pena de se, todo mundo roubar,
quem vai trabalhar??

Eu?????

Tô fora, o filho é dele...

PQP

A Sentinela said...

Voltando para confirmar,
Lugarzinho difícil este para
comentar.

Anonymous said...

TUDO ESTÁ APODRECENDO NO PAÍS DO SR. LULA

Oficiais do Exército podem estar envolvidos em contrabando de armas

O suicídio do subtenente José Ronaldo Amorim, em plena Esplanada dos Ministérios, levanta suspeitas sobre a existência de uma máfia dentro da força


VEJA NA REVISTA ÉPOCA:


Página 1

Página 2

Página 3

A Sentinela said...

ELOCUBAÇÕES

Coisas bestas,
ditas ao acaso,
verborragia,
logorréia...

Engraçado, me lembra claramente um certo presidente:
Nunca antes neste país, a unanimidade foi maior de 100%;
e continua crescendo, e toma fermento neste bolo.
você leitor amigo,não fique chateado...
Ainda não foi entrevistado???
pelo menos vc deve ser um ponto fora da reta,
você tá on? vc tá off?
Ao menos aqui, on é off,
afinal, não vá brigar
com a estatística.

Estou on, logo, estou off...

PQP

FENIX said...

Finalmente instalou-se de vez a anarquia no país. Cada autoridade no poder faz o que quer, de acordo com suas crenças, informações e ignorâncias.

Já se vão quase 15 anos de FHC para cá com o MST invadindo propriedades privadas, laboratórios de multinacionais, roubando, destruindo pesquisas tecnológicas, vandalizando bens alheios e, principalmente, alterando o comportamento social na aceitação de tais fatos. Agora querem assassinar e ter a proteção do Estado para seus crimes, uma vez que o crime de invasão já havia sido aceito como luta social. Quase 15 anos se passou para alguém do Judiciário se pronunciar que o MST, financiado pelo governo do PT, é uma organização criminosa. Por outro lado, a justiça do trabalho resolveu ingerir em negócios da iniciativa privada, respaldado por lideres sindicais, a maioria com processos de corrupção e desvio de dinheiro publico em andamento.

Como dizem os jovens "bagunçou geral". Na outra ponta, o governo, depois de inúmeras tentativas em destruir a credibilidade das forças armadas, movido pela inveja, prepara campanha publicitária para mais uma vã tentativa.

Como se não bastasse, estamos diante da maior crise econômico-financeira jamais vista pela humanidade, cujos efeitos ainda não nos alcançaram em sua plenitude.

Já há muito desemprego e haverá muito mais e pior, sem a menor possibilidade de reversão em curto prazo. Grande parte desses desempregados, vendo-se sem alternativas, certamente migrará para o crime, esse mesmo já instalado até nas policias que deveriam combatê-lo.

Nos deparamos com noticias jamais vistas, que elementos do Exército apresentam desvios de conduta, contrabandeando armas provenientes da campanha do desarmamento, realimentando assim o crime organizado.

Não restou muito que preservar.


LIBERTAS QUAE SERA TAMEN

Anonymous said...

Certíssimo o comentário do Fenix!
Quadrilha rouba fuzis, pistolas e munições de fábrica da CBC em SP.
A guarda cabia ao Exército.
O link da notícia é:
http://www.estadao.com.br/cidades/not_cid334475,0.htm
Vergonhoso.
Nem precisa tentar denegrir a imagem das FFAA, os fatos deixam evidente a decadência...
No final, restará ao próprio cidadão defender-se, prover seu próprio alimento, energia, em suma, declarar sua independência deste governo tirânico que ai está.

Share
 
Copyright © 2004-2016 Bootlead